Sexta-feira, 13 de Julho de 2007

Eu gosto do subliminar. Da sutileza mais ampla que houver. Gosto daquele sorriso que se abre quando alguma besteira é dita. Gosto daquele olhar que passa todas as intenções, junto com aquela cara de surpresa que sussura no ar "como você pode estar ainda mais bonita do que sempre?". Isso é sedução.

Não gosto de faxas na rua ou carros de mensagem com som. Não gosto de ridicularizar o que deve ser cultivado muito nas entrelinhas. Aceito e admiro uma flor, que vem sem ser esperada. Como não sorrir quando lhe entregam aquela florzinha singela e sutil, com um cartão: "me lembrou a tua pele...". Algo mais precisaria ser dito?!

Gosto das coisas inventadas, surpreendentes. Não quero almofadas de coração (já tenho a minha, que minha amada amiga me deu) nem porta retratos de casais sorridentes. Quero o albúm de Harry Potter. Ou talvez a revista Istoé. Eu sou assim, fazer o quê? Perdi um pouco do romantismo para a praticidade. Acontece e não é de todo o mal, no fim das contas.

Me desculpem os avançados, os que são conquistados por beijos, pele, voz ou cheiro. Admiro vocês. Mas eu, sou conquistada pelo esforço mental.

Posso ser brega, e clichê e tudo o mais, mas eu gosto sim de sutileza. (Além de agrados, mimos, e etc fofonildos de maneira geral.)

Talvez seja meio típico de mulher...mas isso já são outras conversas.

 

 

 



publicado por Juliana Correia às 14:10 | link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De Mila a 13 de Julho de 2007 às 18:44
Lindo seu comentário em meu blog.
Quanto ao seu texto, sou muito parecida com você, vai ver por isso...me esbaldo em seus textos. Penso igual em muitas coisas ditas acima. Gosto de sutilezas, elas me fascinam. E como é difícil achar alguém que as faça...

Beijo


De Mila a 13 de Julho de 2007 às 21:57
E você também ;)


De Thaís a 14 de Julho de 2007 às 13:56
As entrelinhas são fundamentalmente essenciais para mim. Não saberia viver sem... Embora haja momentos em que eu não a prefira. Mas ainda assim, não saberia viver sem.


Comentar post

mais sobre mim
Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

inferno astral

Descortinado

A arte do impossível.

Pouso.

Nanquim.

Brigitte Bardot

Sapatilhas.

Não é assim que a banda t...

Vulnerabilidade

História musicada auto-ex...

arquivos

Setembro 2010

Janeiro 2010

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

links
blogs SAPO
subscrever feeds